Os Armazéns Em Portugal Onde Eram Feitas “Lanchas Voadoras” Para Narcotráfico

As autoridades espanholas divulgaram esta terça-feira um vídeo operação que, no início do mês, desmantelou uma rede criminosa que se dedicava ao fabrico de “lanchas voadoras” e que dispunha de infraestruturas em Portugal.

Foram detidas 22 pessoas ligadas à organização criminosa espanhola dedicada ao fabrico das lanchas que eram depois utilizados para traficar grandes quantidades de droga por via marítima, nomeadamente em Portugal.

Entre os detidos encontra-se Ramón Bugallo Martínez, primo de Sito Miñanco, conhecido traficante cuja história inspirou até uma série da Netflix.

Além de armazéns em Portugal, a organização dispunha também de espaços na Corunha, Salamanca, Madrid e Barcelona. Era sediada na Galiza, em Pontevedra.

As autoridades espanholas salientam que “a organização contava com membros com elevada especialização, tanto para o fabrico, como para o armazenamento e acabamento destas embarcações”.

Foram localizadas mais de 20 “lanchas voadoras”, em vários estados de conclusão, seis delas prontas para serem utilizadas.

Já segue a Desconcertante no Instagram?