Treinador Suplicou Que Parasse o Combate Que Mais Tarde Viria a Levar Pugilista à Morte

Maxim Dadashev não resistiu aos danos cerebrais graves que sofreu no combate frente ao costa-riquenho Subriel Matias.

O pugilista russo perdeu o combate no 11.º assalto, após o seu treinador ter atirado a toalha ao chão no centro do ringue, gesto que dá por terminado o combate de imediato. Porém, Buddy McGirt já tinha suplicado a Dadashev para que a luta terminasse.

“Quero parar o combate. Max, vou pará-lo. Estão a atingir-te demais. Por favor, Max… Deixa-me fazê-lo. Se não for eu a pará-lo, vão ser eles a fazê-lo. Por favor, Max”, ouve-se de forma dramática no vídeo.

Logo após o combate, o pugilista russo acabou por ser internado e operado de urgência. Porém, o russo de 28 anos não resistiu aos danos cerebrais e acabou por morrer no hospital.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO