Poluição No Rio Tejo Está a Matar Milhares De Peixes

O Movimento pelo Tejo exige medidas que permitam impedir a continuação da poluição do rio Tejo, tendo denunciado a “mortandade de milhares de peixes” na zona de Vila Velha de Ródão, Castelo Branco.

Na “carta aberta” dirigida ao ministro do Ambiente, o proTEJO, o movimento ambientalista com sede em Vila Nova da Barquinha, no distrito de Santarém, refere uma “catástrofe ambiental que se anunciava e que está agora a ocorrer com uma vastíssima mortandade de peixes e a destruição da fauna e flora do Tejo”, em especial na zona de Vila Velha de Ródão e a barragem do Fratel, apontando como causas a poluição causada por empresas e a eutrofização das águas do rio.

“À poluição que chega de Espanha acrescem as contínuas descargas poluentes das celuloses de Vila Velha de Ródão que se acumulam até à barragem do Fratel”, pode ler-se na mesma nota, assinada por Paulo Constantino e José Moura, porta-vozes do proTEJO

Veja as imagens e deixe o seu comentário…

DEIXE O SEU COMENTÁRIO