Oficial De Justiça Detido Após Beijo a Jornalista

Há mais um caso de assédio sexual que está a chocar o Brasil. Na madrugada desta quinta-feira, Jéssica Dias, jornalista da ESPN, foi alvo de um beijo de um homem enquanto estava a fazer a cobertura do embate entre Flamengo e Vélez Sarsfield, a contar para a segunda mão das meias-finais da Libertadores.

Marcelo Benevides Silva, oficial de justiça do Rio de Janeiro, acabou por ser detido no local, onde se encontrava junto do filho, e já foi presente a um juiz que decretou prisão preventiva.

Entretanto, nas redes sociais, Jéssica Dias deixou um desabafo sobre o que aconteceu.

«Foi só um beijinho no rosto. Não. Não foi. Antes existiram muitas bocas e toques porque a entrada em direto demorava. Pedi calma e vieram os pedidos de desculpa, com toques e beijos no ombro. Eu estava prestes a entrar em direto, por isso mantive a concentração, mas logo veio outra tentativa de beijo no ombro. Esquivei-me e o câmara chamou-o à atenção. O beijo na cara foi o último ato, que até podia ter sido na boca, não muda nada. Fui alvo de assédio sexual enquanto trabalhava e isso é crime. Não queria beijos, não queria mimos, não queria passar 3 horas numa esquadra. Só queria trabalhar. O ser humano que fez isso estava acompanhado de um filho menor que pediu desculpa por ele. O menino não tem culpa, não punam a família dele», explicou.

Veja o momento:

Já segue a Desconcertante no Instagram?