Mulher Faz Demonstração Do Seu Ritual Ao Cobrir Rosto Com Sangue Menstrual

A menstruação é algo que precisa ser celebrado e honrado, não escondido ou repudiado, acredita a australiana de 26 anos.

Em consonância com o esforço desesperado do mundo para lutar contra os tabus que cercam o tema, ela atreveu-se a fazer algo que até mesmo o mais forte dos defensores do feminismo pensaria duas vezes antes de fazer. Yazmina Jade, uma autoproclamada “bruxa de sangue” e curandeira de espíritos, que reside em Gold Coast, Austrália, escolheu aplicar o seu sangue menstrual no rosto como meio de conexão com o próprio corpo.

Para Jade, a menstruação é “um ritual sagrado, para que as mulheres entrem em si, para as mulheres se descobrirem, se soltarem, para criarem, para honrar os úteros e a MÃE TERRA”.

Segundo Jade, a sua conexão com a menstruação gerou uma nova ideia sobre amor e respeito ao seu corpo.

No vídeo ela explica o seu ponto de vista e refere também que o fez para si e o quanto se sente bem com este ritual. Jade refere também que tem sido difícil lidar com os comentários negativos e que não incentivou ninguém a fazer o mesmo.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO