Morcego Foi Passageiro Clandestino Em Voo Nos Estados Unidos

Um voo da Spirit Airlines para Newark contou com um passageiro incomum. 30 minutos depois do avião ter descolado um morcego começou a voar dentro da aeronave.

Alguns passageiros ficaram entusiasmados com este passageiro clandestino, outros não disfarçaram o pânico ao verem o morcego a voar tão perto.

O morcego acabou por ser apanhado por um passageiro, que conseguiu prendê-lo entre um livro e um copo. O passageiro deixou o animal numa das casas de banho do avião e o morcego ficou lá até ao fim da viagem.

A companhia aérea sublinhou que ninguém se magoou, incluindo o próprio morcego.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO