Homem Preso Por Assediar Mulheres No Metro De Madrid

Depois de assediar quatro mulheres na linha 11 do metro de Madrid, entre as paragens de Carabanchel Alto e Plaza Elíptica, um homem que segundo as autoridades poderá sofrer de uma doença mental foi detido.

Dois jovens que se encontravam na carruagem gravaram o episódio. As filmagens mostram o homem a insultar repetidamente duas menores e uma outra mulher.

No vídeo difundido nas redes sociais, ouve-se o agressor a chamar as jovens de “pu…”, entre outras obscenidades. O indivíduo manifesta-se ainda mais agressivo, quando as pessoas presentes na carruagem tentam intervir.

As duas adolescentes e um dos jovens que as defendeu saíram na estação Plaza Elíptica e, de acordo com o jovem que ajudou as menores, o agressor tentou atirá-lo das escadas e terá ainda tentado tocar nos seios de uma das menores.

O homem acabou por ser detido pelas autoridades espanholas quando tentava entrar num autocarro com destino a Toledo.

“O pior é que ninguém nos ajudou, nem na carruagem nem na estação”, lamentou o jovem que foi em auxílio das adolescentes, alegando que no Metro de Madrid não houve nenhum segurança que os socorresse.

Declarações que o metro nega, garantindo que um elemento da empresa ficou com os três jovens, enquanto outro perseguia o agressor.

As duas menores e o jovem já apresentaram queixa. “Não quero que o espanquem ou algo do género, só quero que seja feita justiça e que essa pessoa possa tratar a sua doença”, disse o rapaz.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO