Aptera, o Carro Elétrico Que Carrega Sozinho Ao Sol

Como o próprio nome sugere, Sol é o carro elétrico de segunda geração da Aptera Motors, com sistema de carga solar para contornar um dos maiores handicaps dos veículos exclusivamente a baterias: autonomia.

A Aptera Motors é mais uma startup americana, com sede na Califórnia, apostada em fazer a diferença no mercado da eletrificação. E diferente não é apenas a imagem do primeiro automóvel desenvolvido por esta empresa fundada em 2006, com sócios como a Google ou a Idealab (que não conseguiram evitar a falência em 2009…), e que ressurge agora com a nova geração do protótipo 100% elétrico de apenas três rodas. O primeiro a oferecer autonomia para 1000 milhas, cerca 1600 quilómetros.

Como? O segredo de uma autonomia XXL está na combinação da conceção superleve da carroçaria com recurso a compostos complexos que são até três vezes mais resistentes do qye o aço, com uma aerodinâmica referencial (tem um coeficiente de arrasto (Cd) inédito de 0,13) e um painel solar integrado “que mantém a bateria carregada”, explicou Chris Anthony, um dos fundadores da Aptera.

A tecnologia “Never Charge”, projetada para captar energia proveniente dos raios solares em quantidade suficiente para viajar mais de 17.600 km por ano.

Graças à aplicação de painéis solares com 3 metros quadrados e mais de 180 células solares dissimulados na carroçaria do veículo, este sistema integrado pode fornecer até 72 km de autonomia por dia. Números a somar ao valor disponível nas baterias, disponíveis com capacidades entre os 25 e os 100 kW, para até 1.600 km de autonomia elétrica.

O Aptera Sol estará disponível em duas versões, com motor elétrico de 100 kW, a permitir uma aceleração de 0-100 km/h de 5,5 segundos, ou com 150 kW para chegar de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos.

Já segue a Desconcertante no Instagram?